Comprovado que a cerveja sem álcool reduz o colesterol

 

A cerveja sem álcool pode cortar os altos níveis de colesterol, descobriram os cientistas em uma pesquisa que testou os efeitos da bebida em freiras.


Os cientistas provaram que, depois que o álcool era removido, a bebida alcoólica apresentava vários benefícios à saúde.


Assim como a redução da potencialmente perigosa formação de gordura nas artérias daqueles com elevados níveis de colesterol, a cerveja aumentou também a quantidade de antioxidantes no sangue de bebedores, o que poderia ajudar a proteger o coração.


O efeito poderia estar ligado a vitaminas contidas na cerveja, inclusive a vitamina B6 que ajuda a reduzir o efeito de uma substância química ligada a um aumento no risco de doença de coração.

O estudo testou os efeitos de beber níveis moderados de cerveja sem álcool em 29 freiras, com idades entre 58 e 73 anos, que moravam junto no mesmo convento. Por mais de 45 dias foi solicitado às mulheres que bebessem 500 ml da cerveja por dia, além de suas refeições e hábitos de beber normais.


Os cientistas coletaram amostras de sangue pela manhã antes do estudo começar e novamente na manhã após ter terminado, para testar os efeitos da bebida.


Os resultados, publicados no jornal Nutrition, mostrou que a ingestão da cerveja aumentou os níveis de antioxidantes no sangue das mulheres.


Aqueles avaliados que possuíam colesterol alto no começo do estudo, também descobriram que ele foi reduzido significativamente no fim do estudo.


Os pesquisadores da Universidade de Valença na Espanha acreditam que o estudo prova que cerveja sem álcool pode eliminar o risco de doença do coração.


Eles também mostraram que não traz outros riscos associados com o consumo de bebidas alcoólicas, inclusive problemas com o fígado, uma chance aumentada de desenvolver algumas formas de câncer e é claro, ressacas dolorosas.


Fonte: BelgianShop WeekLetter 1370 – 13/01/2009

Traduzido e Adaptado por Matthias R. Reinold