Marinar carne em cerveja reduz efeitos tóxicos do churrasco

Marinar a carne de porco em cerveja antes de a colocar na grelha é agora mais do que uma dica gastronómica. Investigadores do Porto provaram que reduz as substâncias cancerígenas do churrasco.

Os investigadores marinaram durante quatro horas várias amostras de carne de porco, escolhida por ser mais gordurosa, em cerveja preta, em cerveja sem álcool e em cerveja comum. Depois, colocaram as diferentes carnes a grelhar sobre as brasas de carvão. No final, pesquisaram a presença de hidrocarbonetos policíclicos aromáticos, substâncias presentes no fumo que passam para a carne - sobretudo a mais gordurosa - e são consideradas cancerígenas.

Feitas as análises, concluíram que a cerveja preta é a mais eficaz a inibir a formação destes hidrocarbonetos policíclicos aromáticos na carne de porco. A marinada de cerveja preta permitiu reduzir em 53% a acumulação daquelas substâncias químicas, a de cerveja sem álcool reduziu em 25% e a cerveja corrente diminuiu 13%.

Fonte: bancodasaude.com - publicado por Estudo da Universidade do Porto – 02/05/2014