Cerveja artesanal toma espaço na comunidade de Chapadão, em Orleans

10 1

Tradicionalmente se diz cerveja toda bebida fermentada a partir de cereais. Entretanto por força de lei, no Brasil, entende-se cerveja como uma bebida obtida pela fermentação alcoólica do mosto cervejeiro, oriundo este malte de cevada e água potável, por ação de levedura, com adição de lúpulo.

5 4 248x300

Em Chapadão tudo começou no mês de agosto do ano passado, quando aconteceu um curso para a fabricação de cerveja artesanal, sendo o incentivador deste curso o Senhor Adalberto Selinger.

Foram dois dias de cursos, com um professor natural de Ibirama.

Ao todo participaram dez pessoas, ao qual depois do curso, estes montaram uma sociedade para adquirirem o kit cervejeiro.

Dentre estes, se destaca Cidimar Kestring, que participou do curso e hoje produz a sua própria cerveja artesanal para o consumo próprio e para os amigos.

Em sete meses já fabricou 350 litros de cerveja, sendo que se consegue fabricar 50 litros por vez.

O custo por litro fica em torno de 5 reais.

Para completar todo o processo cervejeiro desde seu inicio até o fim, gasta-se em torno de 6 horas, sendo que todo o processo se divide em 12 etapas.

Após a conclusão deste processo, a cerveja é levada para a geladeira para a fermentação, e assim que a fermentação parar, que varia de 20 a 25 dias é engarrafada e depois de 8 dias é só degustar a cerveja artesanal.

Colaboração: Fábio Kraieski Matuchaki | Fotos: Fábio Kraieski Matuchaki

Fonte: Imprensa New Sul – 04/05/2017