Novas tecnologias no embarrilamento de chope


O embarrilamento convencional na cervejaria é na maioria das vezes efetuado em barris de aço inox do tipo Keg.

Atualmente há vários novos tipos de embalagem descartáveis, em aço ou em PET, que otimizam e simplificam os processos de enchimento e extração de chope, e em alguns casos, aumentando a vida útil do produto.

Os barris de chope do tipo Keg


Enchedora de barris Keg em aço inox 

 

As cervejarias utilizam quase que exclusivamente barris de chope em aço inox, também chamados de barris Keg.

Eles são dotados de um sifão interno (cuja função é a limpeza / desinfecção, enchimento e extração do chope).

A vantagem desse tipo de sistema é que o barril quando está vazio permanece fechado e sob atmosfera de CO2.

Os restos de cerveja não secam, aumentando com isso a capacidade de limpeza dos barris.

Os volumes variam entre 10 e 50 litros (normalmente de 30 e 50 litros de capacidade), mas também são usados barris de 10, 15 e 25 litros.

O peso de um barril vazio de 50 litros é de aprox. 13 kg e sua pressão de trabalho oscila em torno de 2 kgf/cm2 (pressão média da válvula redutora dos cilindros de CO2).

O processo de embarrilamento Keg

As operações no embarrilamento keg seguem o fluxograma típico:

Despaletização dos barris – A despaletização ocorre através de despaletizadores, que retiram os barris dos paletes e os depositam sobre um sistema de transporte por correntes (esteiras), onde são transportados até a máquina de limpeza externa.

Limpeza externa - A limpeza externa dos barris é efetuada através de máquinas próprias, dotadas de escovas (laterais e para o cabeçote), e esguichos de água sob pressão (2 – 4 kgf/cm2).

Limpeza e esterilização internas - A limpeza e desinfecção interna dos barris se processam na enchedora de barris que também é a lavadora – algumas lavadoras/enchedoras são construídas de forma linear e outras têm a forma de um carrossel.

Primeiro ocorre um teste de pressão, onde os restos de cerveja são enxaguados através de água fria. Em seguida é efetuada a limpeza e desinfecção com soda cáustica e água quente (pode-se utilizar também um detergente ácido).

Após um enxágüe intermediário, os barris são esterilizados com vapor.

O tempo necessário para um ciclo completo de limpeza e enchimento dos barris é de cerca de 90 segundos, o que corresponde a uma produção de 40 barris por hora.

Enchimento – No cabeçote de enchimento é efetuada uma esterilização com vapor com subseqüente injeção de CO2, que resfria o barril, gera uma contrapressão e enche-se o barril com cerveja (freqüentemente é utilizado um filtro absoluto na linha de cerveja, antes da enchedora de barris).

Verificação do peso/volume - Os barris cheios são submetidos a um controle de volume por peso (balança) ou por sensores não invasivos (raios gama).

Lacração / codificação - Após o controle do volume, os barris são lacrados e codificados (codificadores do tipo jato de tinta – “ink-jet”), sendo transportados automaticamente para a câmara-fria de estocagem ou carregados diretamente nos caminhões (frigoríficos ou envoltos em lona térmica) dos revendedores.

Transporte até o paletizador

Paletização

Estocagem em câmara-fria ou expedição para o revendedor - A câmara-fria deve manter a temperatura ambiente entre 3°C e 5°C, permitir fácil acesso aos barris e pode ser dotada de sistema de transporte e armazenamento automáticos dos barris.

O sistema KeyKeg®

O sistema KeyKeg® oferece oportunidades de negócio para explorar novos segmentos de mercado sem grandes investimentos, com algumas vantagens sobre os barris convencionais:

- A exportação para regiões distantes representa um risco de roubo dos kegs convencionais, o que não ocorre com os barris KeyKeg®;

- Diferença de peso, onde se pode enviar até 25% mais cerveja em cada container;

- Não há frete de retorno, sem perdas por roubo, sem despesas administrativas.

Mercado potencial para os barris KeyKeg®

Mercado de festas

O barril KeyKeg® de 20 litros, em combinação com uma chopeira de mesa irá certamente apresentar uma proposta adequada para o mercado de festas.

Lojas de médio porte

Com o KeyKeg® de 20 litros, estabelecimentos de pequeno e médio porte também podem oferecer cerveja, porque ela permanece fresca por muito mais tempo após o keg ter sido conectado, especialmente para cervejas especiais onde o consumo é de baixo a moderado.

Mídia

A embalagem externa (de papelão) do KeyKeg® oferece muitas oportunidades para mídia e promoção do seu produto ou marca e/ou para campanhas especiais.

Processo de enchimento dos barris KeyKeg


Enchedora Ecomat-B para barris KeyKeg

O conceito do KeyKeg® faz com que o enchimento seja fácil e asséptico. O sistema difere das linhas de enchimento convencionais porque necessita apenas de uma estação de enchimento e uma de paletização.

O KeyKeg® é desenhado sobre o princípio bag-in-ball (bolsa na bola), onde a bola de PET pressurizada abriga uma bolsa flexível especialmente desenvolvida, que contém o produto.

Como a bolsa de cerveja encontra-se limpa quando chega à cervejaria, não é necessária a limpeza prévia antes do enchimento. As seqüências de limpeza típicas, que consomem tempo e espaço, de um keg convencional podem ser omitidas.

Como padrão, cada KeyKeg® é fornecido com uma embalagem externa de papelão. Após ter sido removido o selo, o KeyKeg® é posicionado no cabeçote de enchimento.

O KeyKeg® sempre é cheio na posição invertida para permitir que a bolsa de cerveja desdobre corretamente. A bolsa possui uma tira especial de evacuação que permite que o ar escape durante o processo de enchimento de cerveja. Logo que a bolsa interna está cheia, o volume de ar na bola pressurizada diminui proporcionalmente ao volume de produto adicionado.

O processo de enchimento totalmente automático controla a purga da bolsa interna, enchimento da cerveja, a quantidade de possíveis aditivos e a criação do espaço vazio (headspace) através de um programa do CLP. Cada ciclo é completado com uma rinsagem de água quente e esterilização por vapor para garantir as condições anti-sépticas.

Após o enchimento, o KeyKeg® é lacrado e armazenado sobre paletes pronto para envio.

O ECOMAT-B mostra a simplicidade do processo de enchimento para o KeyKeg® descartável. Esta máquina de enchimento semi-automática de estação simples foi criada pela empresa m+f KEG-Technik e possui uma capacidade de 40 a 60 KeyKegs® por hora.

Uma unidade de enchimento automática de cabeçotes múltiplos de 100/ 400/ 600 ou 1.000 kegs por hora também pode ser fornecida.

Extração de chope dos barris KeyKeg®


A instalação convencional para barris Keg pode ser utilizada para os KeyKeg

 

O conceito plug-and-play de extração de chope KeyKeg® adiciona uma nova dimensão para o mundo da extração. A embalagem externa de PET protege uma bolsa interna flexível, que contém a cerveja. O conteúdo é extraído pela pressurização do espaço entre a bolsa e a bola.

A bolsa interna possui uma tira de evacuação especial que, junto com a pressão constante sobre a bolsa, assegura que o conteúdo seja extraído até a última gota de cerveja.

A bolsa interna especialmente desenhada não transmite cheiro e gosto e possui qualidades de barreira superiores.

Isto permite extrair a cerveja utilizando ar ao invés de CO2 e, uma vez que o KeyKeg® está conectado e a cerveja sendo servida, ela irá permanecer fresca no keg por muitas semanas.

O KeyKeg® pode simplesmente substituir kegs convencionais em uma instalação de extração convencional. Há uma ampla gama de chopeiras disponível, dependendo das condições do ambiente e da capacidade desejada. Quando vazios, os KeyKeg® podem ser desinflados por meio de uma ferramenta especial.

Uma vez que o ar escapou, o keg vazio ocupa pouco ou praticamente nenhum espaço, de modo que pequenos estabelecimentos podem usar os seus espaços de armazenagem para kegs cheios apenas.

A bola


Bola do KeyKeg em PET

 

A bola do KeyKeg® é esférica para resistir o máximo de pressão interna com deformação minimizada. O material utilizado é o PET.

O keg descartável é severamente testado para todas as circunstâncias.

O container de cerveja KeyKeg® 30 é especialmente testado em condições tropicais e a cor padrão da bola é transparente, outras cores estão disponíveis mediante pedido.

Mesmo sem uma embalagem secundária, a bola é capaz de resistir a condições severas. A embalagem descartável em PET cheia sobrevive a um teste de queda sobre piso de concreto de até 2 metros.

A bolsa interna

O maior segredo do KeyKegs® é a bolsa interna que não apresenta cheiro e gosto. A bolsa assegura propriedades superiores de barreira comparado com os outros kegs plásticos disponíveis atualmente. A entrada de oxigênio e a perda de CO2 são extremamente baixas.

Dependendo das necessidades de mercado e do produto, o KeyKeg® pode ser fornecido com uma variedade de bolsas internas.

A qualidade do produto e a eficiência de custo da embalagem estão diretamente ligadas à bolsa interna.

A vida de prateleira máxima (shelf-life) é maior que 9 meses, assegurada pelas características de barreira na bolsa.

A única conexão padrão é do tipo chato com uma sonda modificada para operar a válvula KeyKeg® patenteada. A conexão contém uma válvula de produto e uma válvula de retorno para permitir que o ar entre (extração) e saia (enchimento). Pelo uso de apenas três partes, o sistema de válvula dupla é muito confiável, e de custo efetivo.

Os KeyKegs® vem em versões de 20 e 30 litros nas seguintes dimensões:

KeyKeg® 20 (litros) com caixa de papelão
Altura: 377 mm
Largura: 356 mm
Peso: 1,0 kg

KeyKeg® 30 (litros) com caixa de papelão
Altura: 434 mm
Largura: 400 mm
Peso: 1,4 kg

A utilização de novos tipos de embalagem permite otimizar não apenas o enchimento e extração do chope, mas também toda a logística de transporte e armazenamento, preservando as características de qualidade da cerveja desde o enchimento até a extração da última gota de cerveja do barril.

Fonte: Matthias R. Reinold - Mestre cervejeiro Diplomado