Cerveja com queijo no inverno: saiba fazer combinações

Veja os principais exemplos de harmonização, recomendados por mestre-cervejeiro e um expert em queijos

naom 595f9683837bd

© Reprodução

Graças à sua diversidade de tipos, sabores, aromas e texturas, as cervejas são a melhor pedida para acompanhar os diferentes tipos de queijo, dos mais suaves aos mais gordurosos - os preferidos no inverno. Confira os principais exemplos de harmonização, recomendados por mestre-cervejeiro e um expert em queijos

A oferta cada vez maior de rótulos e estilos de cerveja – das mais leves e refrescantes às mais amargas e alcoólicas – permite que os cervejeiros apreciem a bebida na companhia de uma das iguarias mais consumidas no inverno: os queijos. Mas antes de abrir as garrafas e preparar uma bela tábua recheada de pedaços de brie, parmesão e roquefort, por exemplo, é preciso estar atento a algumas regras que levam em conta, justamente, a textura, a complexidade aromática e de sabores dos queijos, assim como sua maturação. O mesmo vale para as cervejas e seus diferentes perfis de corpo, sabor, amargor e diversidade de ingredientes e estilos.

Como ponto de partida, vale a regrinha básica – queijos leves pedem cervejas leves e refrescantes; queijos fortes se dão bem com cervejas mais amargas – mas outros critérios são importantes. A seguir, listamos as melhores sugestões de harmonização gastronômica entre queijos e cervejas:

Queijos frescos (minas frescal, ricota, mussarela de búfala): a leveza, a umidade e a sutileza dos sabores desses queijos pedem cervejas leves, dos tipos Pilsen e Lager.

Sugestões: Original, Serramalte, Bohemia, Bohemia Aura, Brahma, Brahma Extra Lager, Stella Artois, Antarctica, Beck´s, Budweiser, Corona, Norteña, Quilmes, Skol e X Wäls.

 Queijos leves ácidos (cream cheese, de cabra e mascarpone): a acidez e o sal harmonizam com cervejas também ácidas e levemente adocicadas, de estilos como Weissbier, Witbier e Saison.

Sugestões: Hoegaarden e Patagônia Weisse, Franziskaner, Colorado Appia, (Weissbier), Wäls Witte (Witbier)

 Queijos com mofo branco (brie e camembert): em geral consumidos com geleia de frutas, vão bem com cervejas de boa acidez e até mesmo com as que levam frutas na receita – as Fruit Beer. Além delas, Weissbier, Witbier e Saison.

Sugestões: Hoegaarden e Patagônia Weisse, Colorado Appia, (Weissbier), Bohemia Bela Rosa, Wäls Witte (Witbier), Leffe Ruby (Fruit Beer), Wäls Session

Queijos com mofo azul (gorgonzola, roquefort e stilton): a gordura, o excesso de sal, a ardência e a intensidade do sabor desses queijos exigem cervejas com boa estrutura e amargor, para que as papilas gustativas sejam limpas. São exemplos os tipos Belgian Strong Ale, Porter, Stout, Tripel e Barley wine.

Sugestões: Caracu, Colorado Íthaca (Stout), Colorado Demoiselle (Porter)Leffe Radieuse, Hertog Jan Grand Prestige (Belgian Strong Ale), Wäls Trippel, Wäls Alambique County, Hertog Jan Trippel (Tripel), Wäls EAP Barley Wine (Barley Wine)

Queijos meia-cura ou semimaturados (cheddar, coalho, colonial, emmental, gouda, gruyère, minas meia-cura): devido ao pouco tempo de maturação, a casca e o miolo desses queijos são levemente elásticas ao toque. Têm sabor mais pronunciado, alguma doçura e maior teor de gordura. Por isso, requerem cervejas mais maltadas, alcoólicas e um pouco adocicadas, como as dos tipos Bock, Pale Ale, Blond Ale, Brown Ale e Dunkel.

Sugestões: Bohemia 838 (Pale Ale), Goose Island Sofie, Bohemia Caá-Yari, Leffe Blonde (Blond Ale), Colorado Berthô (Brown Ale), Franziskaner Dunkel (Dunkel)

Queijos maturados ou duros (parmesão, pecorino, grana padano): por serem secos e até mesmo picantes, devido à longa maturação, além de gordurosos e salgados, exigem cervejas com alto teor alcoólico e encorpadas. As IPAS, lupuladas e amargas, podem oferecer boa harmonização por terem a capacidade de limpar a gordura do queijo. Cervejas adocicadas, como Belgian Strong Ale e Tripel, propiciam uma combinação por contraste (dulçor X sal). As Stout e Porter combinam o tostado com o sal dos queijos.

Sugestões: Bohemia Jabutipa, Colorado Indica, Colorado Vixnu, Goose IPA, Wäls Hopcorn IPA (India Pale Ale), (Belgian Strong Ale), Wäls Trippel, Wäls Alambique County, Hertog Jan Trippel (Tripel), Caracu, Colorado Íthaca (Stout), Colorado Demoiselle (Porter), Leffe Rituel 9º

Queijos defumados (provolone): a defumação, predominante nos aromas e paladar do queijo, determina uma cerveja também com toque defumado, como as dos tipos Rauchbier, Porter e Stout.

Sugestões: Caracu, Colorado Íthaca (Stout), Colorado Demoiselle (Porter), Wäls Cuvée Carneiro, Wäls Petroleum Barrel Aged, Wäls Quadruppel

Fonte: Notícias ao Minuto – 07/07/2017