7 dicas de como trabalhar com pessoas que estão sempre estressadas

executivo estresse 18 08

Colegas de trabalho que estão constantemente estressados são comuns a todos os ambientes de trabalho do mundo. A Harvard Business Review, através de pesquisas, separou algumas dicaspara lidar melhor com essa situação – já que ela é inevitável.

Segundo especialistas, realmente existem pessoas que se sentem constantemente sobrecarregadas, irritadas ou cansadas pela carga de trabalho. Embora seja um desafio conviver com isso o tempo inteiro, é importante não transformá-las em vilões.

1.       Não julgue

“O estresse que parece tóxico para você pode ser estimulante para outras pessoas”, disse à publicação a pesquisadora Holly Weeks, autora do livro Failure to Communicate (Falha na Comunicação). Por isso, é preciso tomar cuidado para não julgar equivocadamente a situação. A chave é pensar no nervosismo da outra pessoa como uma característica, e não como uma falha.

2.       Reconheça o estresse

A pessoa estressada deve se sentir “vista e ouvida”, segundo Caroline Webb, autora de How To Have a Good Day (Como ter um bom dia). Comente o fato de a pessoa ter trabalhado até tarde na noite anterior, por exemplo, pergunte se está tudo bem, como ela se sente.

Paralelamente, é importante tomar cuidado para não encorajar comportamentos ainda mais agressivos. Diga “você precisa mesmo dizer como se sente” em vez de disparar “não sei como você sobrevive a tanta pressão!” – isso não ajuda.

3.       Elogie

Uma pessoa estressada pode sentir-se melhor ao saber que seu trabalho tem o devido reconhecimento. A melhor maneira de fazer isso, segundo as especialistas, é elogiar algo em específico, como o resultado de um trabalho ou uma apresentação.

4.       Ofereça ajuda

Ainda que, na verdade, você não possa ajudar em determinadas situações, ofereça. Coloque seu trabalho ou o de alguém da sua equipe à disposição para que a pessoa não se sinta lidando com o problema completamente sozinha e ainda se esforce para pensar em alguma solução.

5.       Exija menos

Quando possível, cobre menos da pessoa em questão. Isso não significa sobrecarregar outras pessoas ou diminuir a carga de trabalho, mas, por exemplo, evitar enviar e-mails que ela não precisa receber. Também ajuda fazer pedidos em pequenas fases ao invés de solicitar muitas atividades de uma só vez.

6.       Solicite uma análise

Em casos mais sérios, é importante solicitar que a pessoa estressada analise a própria situação. As especialistas sugerem que se pergunte algo como: “em uma escala de 0 a 10, qual tamanho de preocupação eu deveria ter com seu nível de estresse?”. Isso demonstra preocupação e respeito.

7.       Mantenha distância

Uma pesquisa de 2015 feita em Harvard demonstrou que o estresse pode ser contagioso. Por isso, eventualmente pode ser o caso de se distanciar, na medida do possível, do colega tóxico para que ele não sugue suas energias.

Fonte: InfoMoney - 18/08/2017